Federação Catarinense de Motociclismo

Etapa de abertura do Campeonato Pro Tork Catarinense
de Motocross reúne grande número de pilotos
Texto: Bruna Wagner - Assessoria FCM

Largada da Intermediária MX2

 

A temporada 2019 do Campeonato Pro Tork Catarinense de Motocross teve início neste final de semana (16 e 17). A cidade de Campos Novos sediou os treinos e provas na pista do Parque Ambiental Ernesto Zortea. Um grande número de pilotos participou das provas da primeira etapa do ano.


Jean Ramos

 

No domingo de baterias válidas, o dia começou com tempo bom, mas no meio da tarde veio a chuva, dando muito trabalho aos pilotos. Mesmo com a pista mais pesada, os destaques da etapa de abertura foram Jean Ramos, que faturou as provas da MX Elite e MX2 e Markolf Berchtold que levou as provas da MX3 e Intermediária MX1. Pedro Bueno, ganhou a bateria da MX1, abaixo de muita chuva.


Pedro Bueno

 

Quem ganhou a prova da MX4 foi Richard Berois, que teve como companheiros de pódio Gustavo Visoto e Erivelto Nicoladelli. Na categoria MX5, os três primeiros colocados foram Leo Lopes, Ricardo Agut e Claiton Detoni.


Markolf Berchtold

 

Pela Intermediária MX2, os vencedores de domingo foram Olivio dos Santos, Gabriel Gelsleister e Fábio Troian. Pela Nacional, Cassio Espindola conquistou o pódio, seguido de Jacson Keil e Murilo França.


Gabriel Mielke

 

Os pilotos destaque na 65cc em 2018, Gabriel Mielke, Ivo Konell e Vitor de Borba, foram os três primeiros colocados, respectivamente, em sua nova categoria: a Júnior.


Pietro Piroli

 

Pela 65cc, Pietro Piroli, Joaquim Dias e Zion Berchtold compuseram o pódio. Na 55cc, apenas dois pilotos correram. Berchtold ficou em primeiro e Anthony Piroli chegou na segunda posição.

Você pode conferir o resultado completo da etapa de abertura aqui.


Richard Berois

 

Adequação de idade na categoria Intermediária MX2

No sábado (16), a Federação Catarinense de Motociclismo (FCM), comunicou à todos os pilotos e equipes sobre a adequação de idade feita na categoria Intermediária MX2.

A idade foi adequada para 13 e 55 anos e ficou com com a mesma idade mínima da MX2JR, que compõe as classes do Campeonato Brasileiro de Motocross.

Foi comunicada também a mudança na forma de cálculo da idade mínima das classes, conforme critério da CBM.

Segue novo critério:

Parágrafo 1°: Para determinação da idade em qualquer uma das classes previstas no Artigo 3º, o piloto deverá ter a idade mínima COMPLETA, até o dia da sua primeira participação da prova em questão. O piloto ao estar apto, automaticamente poderá completar a classe do campeonato em questão, mesmo que atinja idade superior durante o campeonato. Havendo ainda a possibilidade de participação em uma outra classe ao completar a idade mínima solicitada para o seu acesso.

Anteriormente, o cálculo era feito com base na idade a partir do dia 1º de janeiro do ano da competição.

As mudanças foram realizadas para adequação ao regulamento Campeonato Brasileiro de Motocross, segundo os critérios estabelecidos pela Confederação Brasileira de Motociclismo (CBM).

Se você tiver qualquer dúvida em relação à alteração ou ao regulamento, consulte a secretaria da FCM.

A segunda etapa acontece em São José, nos dias 27 e 28 de abril. A FCM informa que a data e local podem sofrer alteração, conforme registrado no calendário.

O Campeonato Pro Tork Catarinense de Motocross tem o patrocínio de Pro Tork, Yamaha, bLU cRU e o apoio de Geração Motos e Blade Energy Drink. A etapa de abertura do campeonato teve o apoio local da prefeitura de Campos Novos.

 

Confira os melhores momentos da etapa:

 


 
 
 
FCM

Federação Catarinense de Motociclismo

Rua Comandante José Ricardo Nunes, 79
Capoeiras - Florianópolis - SC - 88070-220
Fone: (48) 3248-1950 Fax: 3348-8681
Email: fcm.sec@gmail.com

2001-2019 Todos os direitos reservados - Proibida reprodução do conteúdo sem autorização.